5 - Vencendo o pecado

09/04/2015 21:28

Na lição anterior falamos sobre a vida e a morte eterna, sobre a salvação em Jesus, sobre o que o homem deve fazer para ser salvo e evitar a condenação reservada àqueles que não aceitarem o projeto de salvação de Deus. Nesta lição vamos falar sobre a necessidade de vencermos o pecado, uma vez que o perdão de Deus nos é concedido por sua maravilhosa graça.

Pecado: a corrupção da alma e do corpo e a degradação da sociedade

Inicialmente devemos nos lembrar o quanto o pecado provoca males em nossas vidas. O pecado corrompe a alma do homem, degradando-o moralmente e atraindo toda sorte de tristezas, angústias, depressão e insatisfação, revolta etc. Uma alma corrompida é a causa de muitas doenças físicas e desgraças como suicídios, homicídios, maledicências, trapaças, guerras e desajustes sociais que retiram a paz da humanidade.

(Salmos 32:3) “Enquanto ______________ os meus pecados, envelheceram os meus _________________ pelos meus constantes __________________ todo o dia.”

Mesmo assim, notamos que, cada vez mais, o homem vem se entregando ao pecado, pois ele, apesar de causar todos os tipos de problemas que existem, apresenta-se ao homem de modo atraente e prazeroso. É doce no seu início e satisfaz muitos desejos da carne, mas, ao final, produz degeneração, destruição e morte.

(Provérbios 5: 3,4) “porque os lábios da mulher adúltera destilam favos de _______, e as suas palavras são mais ___________ do que o azeite; mas o __________ dela é______________ como o absinto, agudo, como a espada de dois gumes.”

Já alcancei perdão?

Se já demos os passos para a nossa salvação, certamente já fomos perdoados. Entretanto, às vezes temos dificuldades de nos sentir perdoados por grandes pecados cometidos no passado.

Precisamos saber que Deus não faz distinção entre pecadinho e pecadão. Pecado é pecado, independentemente de suas proporções. Do mesmo modo que uma pequena falha é perdoada, o pecado que moralmente parece grande é igualmente perdoado em Jesus. É claro que nossas atitudes erradas podem gerar diferentes consequências: umas mais sérias que outras. Mas, mesmo pecados que consideramos terríveis são perdoados por Deus, por meio de Jesus.

Devemos lembrar que um alto preço foi pago por nossas vidas. Um preço suficiente para cobrir qualquer dívida, por maior que ela seja.

(1 Coríntios 6:20) “Porque fostes comprados por preço. Agora, pois, glorificai a Deus no vosso corpo.”

(Isaías 1:18,19) “...ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata e escuros como o carmesim, eles se tornarão brancos como a __________, brancos como a _________. Se quiserdes e obedecerdes comereis o melhor dessa _________.”

 (Romanos 5:20) “...Mas onde abundou o pecado, superabundou a _______________”

 (2Crônicas 7:14) “Se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se ________________, e orar, e __________________, e se converter dos seus maus caminhos, então, eu __________________ dos céus, perdoarei os seus pecados e _______________ a sua terra.”

A guerra do espírito contra a carne

É por isso que devemos resistir bravamente ao pecado, evitando a satisfação desenfreada dos desejos de nossa carne. A bíblia nos ensina que a carne (desejos de satisfação carnal) é uma inimiga do espírito (parte do homem que procura a comunhão com Deus). A carne que satisfazer a inclinação humana para o pecado, enquanto o espírito quer fazer a vontade de Deus. Por causa dessa inimizade da carne com o espírito, uma guerra é travada diariamente.

(Gálatas 5:17) “Porque a carne milita contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne, porque são ________________ entre si; para que não façais o que, porventura, seja do vosso querer.”

 (Isaías 59:2) “As vossas iniqüidades fazem ________________ entre _________ e o vosso ___________, e os vossos pecados _______________ o meu rosto de vós, para que ___________ vos ouça”.

(Romanos 6:23) “O _______________ do pecado é a _________________, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em nosso Senhor Jesus Cristo, nosso Senhor”.

Em Cristo, estou livre do pecado?

Jesus veio libertar o homem da escravidão do pecado.

Assim, aquele que está em Cristo, morreu para o mundo e está livre para não pecar.

(Gálatas 6:14 RA) “Mas longe esteja de mim gloriar-me, senão na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o ____________ está ___________________ para mim, e eu [estou crucificado], para o mundo.”

(Romanos 6:14) “Porque o pecado não terá ________________ sobre vós; pois não estais debaixo da _________ e sim da _______________.”

(1Pedro 2:24) “Carregando ele mesmo em seu corpo, sobre o madeiro, os nossos pecados, para que nós, ________________ para os pecados, vivamos para a justiça; por suas chagas, fostes _________________.”

Ser livre para não pecar não significa que estejamos livres do pecado, pois ele continua nos assediando diariamente. Mas significa que temos plenas condições de dizer “não” às tentações, pois o pecado deixa de ter domínio sobre a nossa vida.

Como vencer o pecado?

Ao entregarmos as nossas vidas a Cristo, passamos a ter toda condição para vencer o pecado, sobretudo o Espírito Santo de Deus habitando em nossos corações e nos ajudando, orientando e nos convencendo daquilo que não mais nos convém.

Sim, o Espírito Santo de Deus nos ajuda, mas não fará a nossa parte. Devemos, portanto, ter atitude contra o pecado, isto é, devemos decidir não pecar e ser firmes em nossa decisão. Cada um de nós, se orarmos a Deus com sinceridade, teremos plena condição de sabe exatamente o que devemos evitar, o que devemos fazer e o que não devemos fazer.

(João 16:7,8)  “...mas, quando eu for, vo-lo enviarei [o Espírito Santo]. E, quando ele vier, ___________________ o mundo do ___________________, e da _______________ e do __________________.”

(Hebreus 12:1) “Portanto, também nós, visto que temos a rodear-nos tão grande nuvem de testemunhas, desembaraçando-nos de todo peso e do _______________ que tenazmente nos __________________, _________________, com perseverança, a carreira que nos está proposta,”

Se fizermos a nossa parte, Deus nos dá o perdão e a vitória. Na presença de Deus, o Sangue de Cristo Jesus que nos limpa e nos dá vitória.

(1João 3:5) “E bem sabeis que ele se manifestou para ______________ os pecados; e nele não há pecado.”

Como viver em santidade? O que é “ser santo”?

Quem realmente quer ter vitória em sua vida e livrar-se de todo mal, deve lutar contra o pecado. Uma vez que fomos purificados pelo sangue de Jesus, que nos salvou do destino da morte eterna, devemos agora conduzir nossas vidas em santidade, ou seja, devemos resistir às tentações e andar separados do pecado. Isso é ser santo!

Vale explicar que “ser santo” não significa perfeição ou ausência de pecado. “Ser santo” significa que decidimos viver separados do pecado e que lutaremos bravamente contra ele diariamente.

E se falharmos?

Se falharmos em algum aspecto, temos quem nos ajude a conhecer nossos erros (o Espírito Santo de Deus) para dele nos arrependermos e recebermos o perdão e a purificação pelo sangue de Jesus.

(1João 2:1) “Filhinhos meus, estas coisas vos escrevo para que _______________________. Se, todavia, alguém pecar, temos ___________________ junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo;”

(Isaías 30:21) “Quando te ____________________ para a direita e quando te desviares para a esquerda, os teus ouvidos ____________________________________ uma palavra, dizendo: Este é o caminho, ______________ por ele.”

(Colossenses 2:6) “Ora, como recebestes Cristo Jesus, o Senhor, assim _________________ nele”

(1João 1:7) “Se, porém, andarmos na luz, como ele está na luz, mantemos comunhão uns com os outros, e o _______________________, seu Filho, nos purifica de ____________  pecado.”

Assim, se o pecado é origem de todos os males e se o pecado faz separação entre o homem e Deus, devemos tratar seriamente com o pecado em nossas vidas para sermos vencedores e desfrutarmos de uma plena comunhão com Deus. Agora que já conhecemos o os caminhos possíveis ao homem, tudo o que temos a fazer agora é escolher em qual deles queremos andar. Afinal, o que queremos para nossas vidas? Liberdade ou escravidão, saúde ou doenças, paz de espírito ou angústias? Se nossa escolha é andar no caminho que é Jesus, devemos saber que o próprio Deus nos ajudará!

E se eu repito sempre o mesmo pecado?

Uma vez que já estamos em um caminho diferente do que antes andávamos, não podemos nos conformar com o pecado, especialmente aqueles que insistem em repetir em nossas vidas. O próprio apóstolo Paulo teve que resistir ao pecado que o assediava.

(Romanos 7:22; 8:2) “22  Porque, no tocante ao homem interior, tenho prazer na ________________________; 23  mas vejo, nos meus membros, ____________________ que, ______________________ contra a lei da minha mente, me faz __________________ da ________________________ que está nos meus membros. 24  Desventurado homem que sou! Quem me livrará do corpo desta ____________? 25  Graças a Deus por Jesus Cristo, nosso Senhor. De maneira que eu, de mim mesmo, __________________, sou escravo __________________, mas, segundo a carne, da lei do pecado. 8:1 Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus. 2  Porque a lei do ________________ da vida, em Cristo Jesus, te _____________ da lei do _________________ e da morte.”

Se nem Paulo ocultou suas limitações, nós também devemos reconhecer nossas dificuldades para levarmos a Deus nossas fraquezas e pedir a Ele forças para vencermos as tentações da carne.

Quando ao pecado que insiste em repetir, a primeira avaliação a fazer é se realmente nos arrependemos desse pecado ou se nos sentimos confortáveis ao saber que podemos pecar porque certamente seremos perdoados depois disso.

Se não houve arrependimento e sincero, confissão e desejo de não tornar aos mesmos erros, não conseguiremos vencer. Então, o primeiro passo é fazermos um exame em nossos corações e se lá encontrarmos algo que ainda nos aproxima da velho homem, devemos investir com todas as nossas forças para eliminar qualquer desejo que impeça um arrependimento sincero.

(Salmos 32:5-6) “5  Confessei-te o meu ___________________ e a minha iniqüidade _________________. Disse: confessarei ao SENHOR as minhas transgressões; e tu __________________ a iniqüidade do meu pecado. 6  Sendo assim, todo homem piedoso te _____________________ em tempo de poder encontrar-te... ”

 

Se não estamos conseguindo afastar um desejo de nossos corações é porque estamos amando o pecado e não o odiando. Somente odiando o pecado é que podemos tomar uma atitude radical em relação a ele. Afinal, ele é um inimigo que quer nos matar!

(1 João 3:8-9) “8  Aquele que pratica o pecado procede do _______________, porque o diabo _____________________ desde o princípio. Para isto se manifestou o Filho de Deus: para __________________ as obras do diabo. 9  Todo aquele que é nascido de Deus não vive na ____________________________; pois o que permanece nele é a divina semente; ora, esse ____________________ viver pecando, porque é nascido de Deus.”

 

Por outro lado, não podemos pecar confiados no perdão de Deus. Isso revela a má intenção do nosso coração e mostra que não tememos a Deus. Tem gente que diz: “Deus me perdoa mesmo, então posso pecar.” É importante nunca nos esquecermos que Deus não se deixa zombar! Ele conhece os verdadeiros intentos do coração! Aquele que assim pensa, zomba de Deus  e não valoriza o sacrifício de Jesus, que Deus preza acima de tudo.

(Romanos 6:1) “Que diremos, pois? ___________________ no pecado, para que seja a graça mais abundante? ___________________! Como viveremos ainda no pecado, nós os que para ele morremos?”

(Hebreus 10:26,27) “Porque, se vivermos ______________________ em pecado, depois de termos recebido o pleno conhecimento da verdade, já não resta sacrifício pelos pecados; pelo contrário, certa expectação horrível de ______________ e fogo vingador prestes a consumir os adversários.”

 

CONCLUSÃO

     Vimos que o pecado, na maioria das vezes, é muito prazeroso ao ser humano, mas as suas conseqüências são CATASTRÓFICAS.

Por outro lado, aquele que entrega sua vida a Jesus, morre para este mundo e torna-se vencedor sobre o pecado.

Você também aprendeu que não importam a quantidade e a gravidade de seus erros, o AMOR DE DEUS É MAIOR. Basta reconhecer-se como pecador, se arrepender verdadeiramente, confessá-los e receber o perdão.

Então te convido, nesta hora, a um momento de reflexão, de olhar pra dentro de você, de lembrar dos seus pecados, de decidir se está realmente arrependido e, então confessá-los, pedindo perdão a Deus. Se tudo for feito com sinceridade, tenha a certeza que através do Nome de Jesus você estará perdoado. A seguir está um exemplo de oração que você pode seguir ou fazer a sua própria:

“Pai, eu recebo a Jesus como meu único e suficiente Salvador e Senhor. Mas há muitas coisas que eu fiz de errado e que me fazem sentir culpado até hoje. Quero Te dizer que estou arrependido e decidido a não pecar mais. Confesso a Ti cada um dos meus erros... E agora te peço perdão confiado no seu imenso amor e no sacrifício de Jesus, que derramou seu sangue por mim e pode me transformar em uma nova pessoa, nascida de novo e guiada pelo Teu Santo Espírito. É a minha oração, sabendo que sem ti nada sou e que grande é o Teu amor, em nome de Jesus amém.”

Você está livre!

DÚVIDAS:_________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Que Deus o abençoe!


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!