A agonia dos evangélicos sérios

A agonia dos evangélicos sérios

Por: Pr. Raimundo Brasil Lustosa

“Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs subtilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo” ( Col 2:8 RC).

Nestes últimos dias tenho sido procurado por muitos ministros evangélicos de diversas denominações que chegam a minha residência com o propósito de desabafar a sua agonia, chegando até um desespero, demonstrado através de uma maneira bem clara e preocupados com os problemas que vêm enfrentando em suas igrejas.

Parece-me que as lideranças esqueceram-se dos princípios bíblicos que nortearam a igreja primitiva, onde o Espírito Santo direcionava as suas decisões. São líderes que “vendem votos” com um propósito de usufruírem de bens materiais. São disputas internas que levam a dissensões e que “racham” religiões tradicionalmente seculares em busca de um poder temporal, esquecendo-se de “E Ele é o cabeça do corpo, da igreja; é o princípio é o primogênito dentre os mortos, para que em tudo tenha a proeminência” (Col 1:18 RC). Hoje existe uma verdadeira luta política com a finalidade de assumirem o poder, não importando com ofensas pessoais, cartas anônimas e outros artifícios malignos, às vezes até incentivados pelos que não querem “sair do poder” e se “perpetuar” em frente de suas denominações.

Outras lideranças inventam “revelações” com o intuito de criar doutrinas anti-bíblicas, usando, apesar de uma comparação forte, de meios utilizados pelos métodos nazi-fascistas como as propagandas de massa no intuito de divulgar suas heresias e apostasias, através de repetitivos encontros e, como forma de tornar uma mentira em verdade, realizando uma verdadeira lavagem cerebral. Chega-se ao ponto de um ministro do evangelho querer justificar que se Deus não revelou as falcatruas é porque todos já sabiam (e as revelações?). Dizem até que a justiça fica a critério de Deus, esquecendo-se que é um caso de polícia, pois envolve dinheiro público com notas fiscais frias, existem leis neste país. Isso é crime previsto nas normas jurídicas.

Criam uma imagem de uma raça pura que não se mistura e que é a única dona da verdade,” filha única”. não  Será uma outra mentira? Diz a palavra de deus no livro de apocalipse que “...fora ficarão os mentirosos...” .nada difere das idéias de Hitler durante a segunda guerra mundial que continua se alastrando em algumas igrejas que se dizem  evangélicas, mas são seitas na verdadeira acepção da palavra.

 Usam de trabalho escravo de seus membros para construção de suntuosos templos que chamam atenção por sua beleza, originalidade e idolatria, cuja única finalidade é atrair adeptos. Enquanto isso ficam se aproveitando dos dízimos dos ingênuos servos do Senhor, aumentando seu patrimônio e lesando o fisco. Lembramos neste momento dos Filhos de Eli ( i SM 2:12-17,31), que triste final

Fica uma singela sugestão “Ninguém  vos domine ao seu bel prazer  com pretexo de humildade e culto aos anjos, metendo-se em coisas que não viu; estando debalde  inchado na sua  carnal compreensão ”(Col 2:18 RC).

Pastor Raimundo Brasil Lustosa

Email: lustosab56@hotmail.com


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!